sábado, 16 de maio de 2009

O truque do ovo na garrafa

O que poderá acontecer a um ovo cozido empoleirado no gargalo de uma garrafa?

Nada de interessante!

Foi o que pensaram os meninos da EB1 de Monserrate. Só que as professoras tinham um truque na manga!… ou melhor…na garrafa!

Eis o que se passou:

Material e reagentes:
  • Um ovo cozido descascado
  • Uma garrafa de gargalo pequeno, como por exemplo um frasco de Ketchup, um biberão ou um jarro de água
  • Algodão
  • Fósforo
  • Pinça metálica
  • Álcool

Procedimento

  • Colocar o algodão em chama com a ajuda da pinça metálica na garrafa.
  • Assim que o algodão se apagar, colocar nas bordas o ovo cozido descascado.
  • Esperar que o ovo entre no balão.

Discussão das observações:

Mesmo sendo o ovo ligeiramente mais largo do que a abertura da garrafa, o ovo é introduzido sem se esmagar. Porquê? Como explicas o que aconteceu?

Explicação:

O ovo é sugado para o interior da garrafa.

O algodão em chama consome o oxigénio dentro da garrafa. Assim, a pressão do ar no frasco diminui, fazendo com que a pressão no exterior (maior) empurre o ovo para dentro. O ovo vai ser forçado a entrar na garrafa para diminuir a diferença entre a pressão no exterior e no interior. Com esta experiência já sabes como engarrafar um ovo cozido.


video

terça-feira, 12 de maio de 2009

Quem tem os maiores pulmões?

Foi o que calcularam os meninos e meninas da EB1 de Monserrate, no dia 5 de Maio. Como? É fácil! Só precisaram de:

Material:

  • Garrafão de plástico de 5 litros
  • Tubo de borracha
  • Tina de vidro
  • Caneta de acetato
  • Vasilha com escala graduada (medidor de líquidos)

E procederam da seguinte forma:

Procedimento:

  1. Com a ajuda de um medidor de líquidos, despejaram 500ml de água para dentro do garrafão,
  2. Marcaram exteriormente o nível com o marcador.
  3. Foram adicionando o mesmo volume de água até encher o garrafão, marcando a linha dos 1000ml, 1500 ml…
  4. Encheram aproximadamente metade da tina com água.
  5. Colocaram a rolha no garrafão e colocaram o gargalo na tina.
  6. Sempre com o gargalo mergulhado na tina, retiraram a rolha ao garrafão e introduziram o tubo de borracha no interior do garrafão.
  7. E agora…chegou a hora da verdade… O 1º voluntário inspirou profundamente, enchendo o mais possível os pulmões de ar. Colocou a boca na extremidade do tubo e expirou lentamente todo o ar possível.
  8. Rapidamente, tapou a extremidade do tubo com o dedo. Retirou o tubo com cuidado de dentro do gargalo do garrafão (que ficou sempre mergulhado na água).
  9. Seguiram-se outros voluntários…
  10. Preencheram a seguinte tabela:

Nome

Volume de água inicial

Volume de água final

Volume de ar expirado

       

E agora? Só falta pensar nos resultados…

Discussão dos resultados:

A quantidade de ar que ficou no interior do garrafão corresponde à capacidade pulmonar. Qual o valor de cada voluntário?

Afinal, qual é o menino com maior capacidade pulmonar?

DSC01173

DSC01177

DSC01179

sábado, 2 de maio de 2009

Clube de Ciência na EB1 de Monserrate

Neste 3º período, o clube de Ciências da Escola Pedro Barbosa está a colaborar com a EB 1 de Monserrate!  Assim, às terças feiras, das 10h 20m às 11h 50 m, três alunos de cada turma do 4º ano, participam nas actividades propostas pelo clube, sob orientação da professora de Ciências Conceição Semedo e da professora de Físico-Química, Maria França Passos. Todas as experiências se relacionam com os conteúdos programáticos do 4º ano. No âmbito da unidade programática “Estudo do Ar”, foram dinamizadas, no dia 21 e 28 de Abril, para diferentes turmas, a seguinte actividade experimental: “O ar existe e ocupa espaço”.

21042009179

21042009182

21042009184

Notícias do Clube de Ciência

O Clube de Ciência reiniciou a sua actividade a 6/10/08, apresentando neste ano lectivo, e de acordo com o projecto previamente elaborado, uma nova configuração.

O projecto “Clube da Ciência” funcionou no JI e EB1 de Monserrate, à terça-feira entre as 10:20 horas e 11:50 Horas tendo sido direccionado, preferencialmente, aos alunos do 3º Ano do pré-escolar e do 4º ano do primeiro ciclo.

Os trabalhos laboratoriais decorreram sob orientação das professoras Conceição Semedo e Maria França. Colaborou ainda no projecto, na pesquisa, elaboração de protocolos experimentais e divulgação do projecto, a professora Carla Ramos terça-feira entre as 9:15 e as 10:00 horas.

Conforme previsto no projecto, no decurso do primeiro período foram realizadas as seguintes actividades:

- Montagem e organização dos materiais de laboratório existentes na EB1 e JI de Monserrate; Análise dos respectivos curricula/orientações curriculares; Pesquisa sobre possíveis actividades experimentais em manuais/livros de actividades diversos; Selecção de protocolos/actividades experimentais adequados às faixas etárias a trabalhar; e elaboração de protocolos experimentais.

No decurso do segundo período, no âmbito do projecto Biom@t, o Clube de Ciência desenvolveu actividades experimentais no Jardim de Infância de Monserrate.

clip_image002

Assim, foram realizadas as seguintes actividades experimentais:

Estudo da permeabilidade dos solos; Influência da Humidade no comportamento das minhocas; Influência da Luz no comportamento das minhocas; Influência da Temperatura no comportamento das minhocas; Como construir um Terrário; Influência da temperatura na germinação das sementes e Influência da Luz no desenvolvimento das plantas.

As referidas actividades foram realizadas com a participação dos alunos do 8ºA, organizados em grupos de trabalho de acordo com o factor abiótico estudado por cada grupo, em trabalho experimental.

clip_image004

O trabalho decorreu de forma bastante satisfatória, tendo sido atingidos todos os objectivos propostos.

As evidências das actividades experimentais realizadas (trabalhos em power-point) foram produzidas pela Educadora Graça Rocha, que foi solicitando, a par e passo, a participação do Clube de Ciência na sua revisão. Sem este trabalho de registo fotográfico (Educadora Goretti Pinto) e informático (Educadora Graça Rocha) não teria sido possível, em tempo útil, reunir evidências do trabalho realizado (visita o site http://jardimdemonserrate.blogspot.com/).

Este trabalho contribuiu significativamente para melhorar os mecanismos de comunicação interna do Agrupamento.

No decorrer do 3º período os trabalhos do Clube de Ciência desenvolver-se-ão na escola EB1 de Monserrate. No momento em que escrevemos este artigo, as expectativas são as melhores. Bem hajam!